BTS 2019 | Palestra – Şerife Wong

TERÇA-FEIRA 10/09 – 10h30
Cine Metrópolis – UFES

O papel da arte na ética e governança em Inteligência Artificial

Şerife Wong (Icarus Salon, Estados Unidos)

A rápida disseminação de Inteligências Artificiais em nosso cotidiano tem causado preocupação, aos especialistas do campo, a respeito dos impactos nocivos que a IA pode ter na sociedade. A proliferação de sistemas automáticos de tomada de decisão levanta questões sobre privacidade, responsabilidade, armas autônomas, manipulação midiática, uso malicioso dos programas, além do aumento de desemprego e desigualdade acarretado pela IA. Nos últimos anos, testemunhamos uma multiplicação de instituições, tanto públicas quanto privadas, que propuseram diretrizes de governo, produziram toolkits industriais e encabeçaram discussões sobre o desenvolvimento ético da IA. Esta palestra pretende apresentar o ecossistema global explorado no projeto de arte e pesquisa “Fluxus Landscape: Um Panorama da Ética e Governança em Inteligência Artificial”, respondendo a questões como: quem são os atores principais envolvidos nesse campo e quais tópicos eles têm explorado? Por que é preciso incluir vozes da diversidade e de artistas nessas conversas? Quais propósitos pode ter a arte no enfrentamento dos desafios de regulação das Inteligências Artificiais?

Şerife Wong é artista e ativista envolvida com questões de direito e Inteligência Artificial. Em 2018, fundou o Icarus Salon, uma iniciativa para fomentar discussões éticas a respeito de tecnologias emergentes. Foi criadora da Impact Residency, no Centro de Tecnologia Pier 9, da Autodesk (2015-2018), onde trabalhou com mais de 100 tecnólogos criativos. Também integrou a equipe de desenvolvimento da Electronic Frontier Foundation e o time da Artnet Magazine. Como artista, teve exposições individuais em Nova York, Viena e na Cidade do México, assim como mostrou seu trabalho em locais como Art Basel Miami, a Feira de Arte de Xangai, FIAC Paris, ARCO Madrid e Art Cologne. Em 2019, foi membra do júri do Ars Electronica para o STARTS, prêmio da Comissão Europeia voltado para Inovação em Tecnologia, Indústria e Sociedade, e esteve no painel consultivo da USAID sobre futuros usos da IA em desafios humanitários. Em parceria com a Universidade de Stanford, Şerife lançou recentemente o projeto de arte e pesquisa “Fluxus Landscape: Um Panorama da Ética e Governança em Inteligência Artificial”.